AUGUSTO PORTELA - CV RESUMIDO

IDIOMAS

Português, Inglês, Francês e Castelhano

 

FORMAÇÃO ARTISTICA E ACADÉMICA

- Licenciatura em Teatro- Ramo atores pela Escola Superior Teatro e Cinema;

- Licenciatura em Direito pela Universidade Clássica de Lisboa;

- Pós-graduação em Direito Intelectual.

 

PRÉMIOS

- Prémio Cineuphoria do júri - Melhor actor secundário de Cinema Português 2011 com a curta-metragem “A Cova “de Luís Alves

- Prémio Cineuphoria do público - Melhor actor secundário de Cinema 2011 com a curta-metragem “A Cova” de Luís Alves

 

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

 TELEVISÃO

2015 - Telenovela “Jardins Proibidos”; “Poderosas”

2014 - Série “Mata Hari” de Julius Berg e Dennis Berry

2013 - Telenovela “Mundo ao Contrário”; “Destinos Cruzados” e ”Sol de Inverno”;

2013 - Série: “Música Maestro”, no papel de Tchaikovsky

2012 - Telenovela: “Rosa Fogo”  “Dancing Days” e “Louco Amor”

2011 - Telenovela: “Anjo Meu”, série “Maternidade” Telefilme “Síndrome de Estocolmo;

2010 - Telenovela: “Mar de Paixão”; mini-série “O Segredo de Miguel Zuzarte”

2009 - Telenovela: “Deixa Que Te Leve”, ”Rebelde Way”, “Olhos nos Olhos” e “Eterno Amor”; séries: ”Camilo, o Presidente”, ”Conta-me Como Foi, 3ª série”, ”Liberdade 21” e “Um Lugar Para Viver”

2008 - Casos da Vida - “Pelas Próprias Mãos, Começar de Novo e “O Caso Mariana”; novelas: ”Podia Acabar o Mundo”, ”A Outra”, Floribela 2ª série” e “Chiquititas”; séries: ”Conta-me Como Foi, 2ª série”, ”O Dia do Regicídio” e “Conexão”;

2007 - Telenovelas: “Floribela 1ª série”, “Vingança”e ”Tu e Eu” série: ”Conta-me Como Foi, 1ª série”;

2006 - Telenovela: “Jura” e a série ”Bocage”;

2005 - Telenovela: ”Mistura Fina”;

2004 - Telenovela: “Queridas Feras”;

2003 - Telenovelas: “Coração Malandro” e ”O Último Beijo”;

2002 - Série: “O Bairro da Fonte”; telefilme: ”Pulsação Zero” e a telenovela “Sonhos Traídos”;

2001 - Séries: “Segredo de Justiça” e “Espírito da Lei”;

2000 - Telenovela: “ Lenda da Garça”; telefilmes: “Facas e Anjos” e “O Segredo” e a série “Alves dos Reis”;

1999 - Telefilme: “Le Portrait “ de Pierre Lary

1995 - Teatro para televisão: “Combate de Negro e de Cães” e a série “Só para Inteligentes”;

1994 - Teatro para televisão: “Fé, Esperança e Caridade”; séries: “Sozinhos em casa” e “Camões Aquela Cativa”;

1993 - Telenovela: “Banqueira do Povo” e as séries: “Nico d’ Obra”e “One Foot in the Grave” de Susan Berbin

1992 - Teatro para televisão: “A Castro”; séries: “Os Melhores Anos” e “O Café do Ambriz”;

1990 - Séries: “Lendas e Factos da História de Portugal”, “Viriato” e “O Mandarim”.

 

CINEMA

Longas - Metragens:

2005 - “O Fatalista” realização de João Botelho

2003 - “Le Pacte Du Silence” realização de Graham Guilt

2001 - “Asphalt Rouge” realização de  Patrick Dewolf

1999 - “Mal” realização de Alberto Seixas Santos

1994 - “Passagem por Lisboa” realização de Eduardo Geada

1992 - “Solo de Violino”de Monique Rutler  “Vertigem” de Leandro Ferreira  “Le Fils dún autre  de Michel Lang e “Lóeil qui ment” de  Raoul Ruiz

1991 - “Segno di Fuoco” de  Nino Bizarri e “Fado pour Une Jeune fille “ de Bruno Gantillon

1990 - “La Nouvelle Tribu  realização de Roger Vadim

1989 - “Mon Dernier Reve Será Pour Vous” de Robert Mazoyer e “The Free Frenchman”de Jim Goddard

1988 - “L’homme du Suez” realização de Christian Jaques

 

Curtas – Metragens:

2010 - “Dente de Leão” de Tiago Ribeiro e “ A Cova “de Luís Alves

2009 - ”A Nona Sinfonia”  de Susana Cerdeira

2005 - “ A Cura”; de José Barahona

2004 - “Quem é Ricardo?”, de José Barahona

2000 - “Almirante Reis”, de Fernando Vendrell

 

TEATRO

2015 -Leitura encenadade “Comédia Aulegrafia”, de Jorge Ferreira de Vasconcellos, na Biblioteca Nacional

2014 - Hamlet da Silva”, de Miguel Morilho, encenação de Eduardo Condorcet, no Teatro do Bairro;

2013 - Leitura encenada de “Gilgamesh”, na Fundação Calouste Gulbenkian.

2011 - Direcção e Interpretação da peça “Hamlet da Silva” de Miguel Morilho, uma Leitura Encenada na Companhia Teatral do Chiado;

2010/12 - Participação como actor na peça “Hamlet da Silva”, de Miguel Morilho, encenação de Eduardo Condorcet, na Companhia Teatral do Chiado e apresentação no Festival de Teatro de Montemor -o-Novo;

2009 - “Os Maias”, no Teatro da Trindade, encenação de Rui Mendes;

2008 - “Um Conto Americano”, de David Mamet, no Teatro Nacional, encenação de Maria Emília Correia;

2007 - “Vinte e Zinco” de Mia Couto, no Teatro Nacional, encenação de Maria João Rocha;

2006 - “1755,o Grande Terramoto”, de Miguel Real e Filomena Oliveira, no Teatro da Trindade, encenação de Jorge Fraga;                

2006 - “A Casa da Lenha”, de António Torrado, no Teatro Nacional, encenação de João Mota;

2005 - “Hamlet da Silva”, de Miguel Morilho, no Teatro da Trindade, encenação de Eduardo Condorcet;

2004 - “O Ultimo Episódio” Casa da Criação, produção NBP, encenação de Adriano Luz;  

2003 -“Viriato” de Freitas do Amaral, no Teatro da Trindade, com encenação de Jorge Fraga;

2002 - “O Navio dos Rebeldes”, de Margarida Fonseca, no Teatro da Trindade, encenação de Cláudio Hochman;

2002 - “O Menino ao Colo”, de Armando Carvalho, no Teatro da Trindade, com encenação de Maria Emília Correia;

2001 - “O Magnífico Reitor”, de Freitas do Amaral, no Teatro da Trindade, com encenação de Jorge Fraga;

2000 - “O Príncipe Constante”, de Calderon de La Barca, no Teatro Municipal de Almada, com encenação de Jorge Listopad;

2000 - “Mãe Coragem e seus Filhos”, de Bertolt Brecht, no Teatro Municipal de Almada, com encenação de Joaquim Benite;

1999 - “O Sentinela Alerta”, de António Torrado, no Teatro da Trindade, com encenação de João Ricardo;

1999 - “O Memorial do Convento”, de José Saramago, no Teatro da Trindade e no Teatro Municipal de Almada, com encenação de Joaquim Benite;

1999 - “Anos Dourados”, de Roberto Cossa, no Teatro da Trindade, com encenação de Rui Sérgio;

1998 - “Jogo da Glória”, de luís Mourão, no Teatro da Trindade, com encenação de Carlos Fragateiro;

1997 - “Cenas de uma Tarde de Verão”, de Jorge Guimarães, na Sala Estúdio do Teatro Nacional, com encenação de António Rama;

1997 - “Comédia de Enganos”, adaptação e encenação de Cláudio Hochman,no Teatro da Trindade, e em digressão;  “Cyrano”,adaptação e encenação de Cláudio Hochman, no Teatro da Trindade; “Comédia Ulyssipo”,de Jorge Ferreira de Vasconcellos, no Teatro da Trindade, com encenação de Silvina Pereira;

1996 -“Camões, tanta guerra, tanto engano”, de Camões, no Convento dos Inglesinhos, com encenação de Silvina Pereira;

1995 -“Comédia Eufrósina” de Jorge Ferreira de Vasconcellos, no Convento dos Inglesinhos, com encenação de Silvina Pereira;

1995 -“Bent”, de Martin Sherman, no Teatro da Graça, com encenação de Marco António Areias;

1994-“Sonho de Uma Noite de Verão” de Shakespeare, no Teatro da Trindade, com encenação de João Perry;

1993 -“Judite,nome de Guerra”, de Almada Negreiros, no Teatro de S.Luís, com encenação de João Grosso;

1993 - 10-43-Extasis, de Forjaz Sampaio, no Teatro de S:João e no Teatro da Trindade, com encenação de José Possi Neto;

1991 -“Dinis e Isabel” de António Patrício, no Teatro da Trindade, com encenação de Mário Feliciano;

1990 -“A Tarantela Vermelha”, de Salvatore Cuffaro, no Teatro da Malaposta, com encenação de Figueira Cid; “A Ilha do Rei Sono”, de Norberto Ávila, no Teatro da Malaposta, com encenação de Figueira Cid;

1986- “El.Rei D. Sebastião” de José Régio, no Teatro Crisfal de Portalegre, pela Companhia de D. Amélia Rey Colaço;

 

SKILLS:

Natação e Hipismo.